Inscrições

Florianópolis recebe a sétima edição do curso Jurisdição e Psicanálise

Terminou nesta sexta-feira (25) o curso Jurisdição e Psicanálise, promovido pela Escola Nacional da Magistratura (ENM), da AMB, em parceria com o Núcleo de Direito e Psicanálise do Programa de Pós-graduação em Direito da Universidade Federal do Paraná (UFPR). A capacitação teve sua abertura na tarde de quarta-feira (23) e seguiu com palestras nos dias 24 e 25, em Santa Catarina, no Hotel Blue Tree Florianópolis.

Coordenado pelo assessor especial da ENM Ricardo Alberto Pereira, o tema do curso abordou como a jurisdição e o direito tratam seu desconcerto diante do feminino. “O nosso objetivo é estimular o juiz a usar a psicanálise, fazendo com que ele entenda a aplicação do direito com um outro olhar, questionando o espaço do outro, além da própria posição dele como juiz”, afirmou.

Durante os três dias de capacitação, assuntos como a “Justiça Patriarcal: o feminino e o corpo na jurisdição brasileira”, além de pontos de encontro entre o Direito e a Psicanálise foram discutidos nas palestras ministradas por magistrados, psicanalistas e professores acadêmicos.

O juiz catarinense e professor da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) Alexandre Morais da Rosa foi um dos palestrantes do curso. Tratando sobre a demanda punitiva do discurso feminista, a palestra do magistrado abordou o lugar e a função do juiz nesse contexto, além da questão da violência contra a mulher e os discursos de ódio. “A decisão judicial acontece em ambientes de antagonismo. Com a mutação do laço social, as manifestações coletivas, especialmente nas redes sociais, operam um novo estatuto em que a sensação de injustiça e de vítima é potencializada. Por isso é necessário situar o lugar e a função do juiz, individualmente”, ressaltou.

Em sua sétima edição, a capacitação Jurisdição e Psicanálise contou com a participação de 20 magistrados. Ao final de cada palestra foram realizados debates para discutir o tema proposto e, segundo Ricardo, todos os momentos foram muito produtivos. “Alcançamos o nosso objetivo: repensar a judicatura por meio de um olhar diferente”, finalizou.

AMB participa de solenidade em homenagem a Toffoli, no Espírito Santo

Saiba Mais

Diretor-presidente da ENM prestigia lançamento do projeto “Penas Inteligentes”

Saiba Mais

ENM conclui curso sobre Falência e Recuperação de Empresas no Ceará

Saiba Mais

Anteprojeto de lei e centros de excelência pautam primeira reunião da Enfam sob presidência do ministro Herman Benjamin

Saiba Mais
Escola Nacional da Magistratura © 2018 | Todos Direitos Reservados
MENU