Inscrições

Curso sobre mediação de conflitos tem início em Brasília

Na manhã desta segunda-feira (14), aconteceu a abertura do “Curso Básico de Mediação para Magistrados”, com a participação de mais de 30 pessoas, que lotaram o auditório da sede da AMB, em Brasília (DF). A capacitação, que está em sua sexta edição, é realizada pela  Escola Nacional da Magistratura (ENM) até o dia 18 de agosto.

O diretor-presidente da ENM, Marcelo Piragibe, que também está participando do curso, agradeceu a presença dos alunos e falou sobre a demanda da capacitação na grade da ENM. “É uma grande satisfação receber a todos os participantes aqui. Esse processo de mediação está espalhado não só no Brasil, como no mundo inteiro e esse curso é um dos mais procurados da escola”, destacou Piragibe.

Inicialmente, os participantes conheceram mais sobre os instrutores e os alunos. O coordenador pedagógico da ENM e que está à frente da capacitação, desembargador Caetano Levi, avaliou como excelente o nível do curso neste primeiro dia. “Muitas informações e novos conhecimentos ainda serão ministrados. O objetivo é trazer estímulo ao juiz, para que a mediação seja uma realidade no seu dia a dia como forma de solução de conflitos sem a necessidade de judicializar e até extinguindo processos”, pontuou Levi.

Durante os cinco dias de curso, os participantes terão a oportunidade de saber mais sobre temas como o panorama histórico dos métodos consensuais de solução de conflitos, o método de negociação baseado em princípios, a política judiciária nacional de tratamento adequado de conflitos entre outros. Além das aulas teóricas e dos exercícios propostos, os magistrados participarão de dinâmicas e mediações simuladas dentro dos temas.

Para o desembargador do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) Saulo Versiani, a capacitação é fundamental, pois prepara os magistrados para métodos autocompositivos, que são formas alternativas da resolução de conflitos. “Uma vez preparando os magistrados, o curso também pode possibilitar um incremento desses métodos nos Centros Judiciários de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc), tanto na coordenação como na mão de obra por parte dos magistrados aposentados”, destacou.

Essa é primeira vez que o curso de mediação está credenciado pela Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam).

Confira AQUI a programação do curso.

Veja AQUI a portaria do Enfam sobre o curso.

Tatiana Castro Estagiária supervisionada pela Coordenadoria de Comunicação

ENM lança Guia de Cursos Semestral 2018 e abre inscrições

Saiba Mais

ENM assina acordo de cooperação com o Instituto Justiça e Cidadania

Saiba Mais

Ministro do STJ e ex-presidente da ENM atualiza site com julgamentos relevantes de 2017

Saiba Mais

Comissão de Direito e Arte da ENM promove visitação no Museu da Justiça

Saiba Mais
Escola Nacional da Magistratura © 2018 | Todos Direitos Reservados
MENU