Inscrições

ENM e Enamat vão renovar convênio para promoção de cursos e eventos

A Escola Nacional da Magistratura (ENM), da AMB, vai renovar, nos próximos dias, o convênio com a Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados do Trabalho (Enamat). O compromisso foi firmado nesta quinta-feira (17) entre o diretor-presidente da ENM, Marcelo Piragibe, e a diretora da Enamat, ministra Maria Cristina Peduzzi.

O convênio vai viabilizar a promoção em conjunto de cursos e outros eventos, com foco na formação continuada de magistrados trabalhistas e de todas as demais áreas. A primeira iniciativa já está decidida: a realização de um seminário para os associados da AMB para abordar a reforma trabalhista, cujos detalhes serão definidos e divulgados em breve.

“Pretendemos realizar uma série de capacitações presenciais e a distância, abordar novos temas de interesse da magistratura. Para prestar um serviço de formação cada vez mais qualificado, as parcerias com outras escolas de abrangência nacional são muito importantes. Já firmamos parceria com a Enfam [Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados] e, agora, estamos honrados em assinar o convênio com a Enamat”, afirmou Marcelo Piragibe.

Sobre o tema do primeiro seminário, o diretor-presidente da ENM comentou que é um assunto de interesse geral da magistratura. “É importante informar sobre estas mudanças para todos os juízes do País, independentemente da jurisdição, e uma das missões da Escola é levar aos associados da AMB as novidades da legislação.”

Maria Cristina Peduzzi avaliou que a reunião foi oportuna e muito produtiva. “É um convênio para colaboração, que vai possibilitar o compartilhamento de conhecimentos e práticas, a participação de magistrados de todos os segmentos nos nossos cursos, especialmente os de formação continuada. Essa parceria dinâmica também vai efetivar uma redução de custos e proporcionar para toda a magistratura aquilo que a Enamat e a ENM têm a oferecer”, afirmou.

Além disso, a ministra disponibilizou vagas para Marcelo Piragibe e o coordenador pedagógico da ENM, Caetano Levi Lopes, para participarem do curso de formação de formadores em conciliação e mediação. Com isso, os dirigentes da ENM pretendem vivenciar a metodologia aplicada pela Enamat.

Expertise

Também participaram das discussões para renovação do convênio, que estava desativado, Caetano Levi Lopes e Cláudia Márcia Carvalho Soares, respectivamente coordenador pedagógico e diretora-adjunta da Justiça do Trabalho da ENM.

“Nós já temos experiência de tradição na ENM e hoje a Enamat é, sem dúvida, uma grande escola, com a larga experiência no ensino a distância. Esta abertura para que possamos ter atividades conjuntas foi, com certeza, um grande passo. A aproximação entre as duas escolas vai beneficiar imensamente todos os nossos associados, tanto da área trabalhista quanto das demais”, avaliou Caetano Levi Lopes, ao final da reunião.

Cláudia Márcia observou que o convênio com a Enamat vai abrir caminho para outras parcerias. “Nós temos duas expertises diferenciadas. O que o convênio pretende é trocar essas expertises que interessam a juízes estaduais, federais e demais jurisdições. A parceria com os próprios tribunais fica facilitada, porque já começou pelo próprio TST [Tribunal Superior do Trabalho]. Nós podemos apresentar cursos que sejam do interesse dos juízes do trabalho para os próprios tribunais”, adiantou.

Acesse aqui o site da Enamat.

AMB participa de solenidade em homenagem a Toffoli, no Espírito Santo

Saiba Mais

Diretor-presidente da ENM prestigia lançamento do projeto “Penas Inteligentes”

Saiba Mais

ENM conclui curso sobre Falência e Recuperação de Empresas no Ceará

Saiba Mais

Anteprojeto de lei e centros de excelência pautam primeira reunião da Enfam sob presidência do ministro Herman Benjamin

Saiba Mais
Escola Nacional da Magistratura © 2018 | Todos Direitos Reservados
MENU