Inscrições

ENM participa do XLVI Encontro do Copedem no Maranhão

O diretor-presidente da Escola Nacional da Magistratura (ENM), da AMB, Marcelo Piragibe, participou do XLVI Encontro do Colégio Permanente de Diretores de Escolas Estaduais da Magistratura (Copedem), realizado nos dias 16 e 17 de novembro, em São Luís (MA). Outro representante da Associação foi o desembargador Antônio Rulli Júnior, que é diretor da Secretaria de Relações Internacionais da AMB e presidente do Copedem. Com o tema "Conciliação e Mediação", o evento reuniu diretores das escolas judiciais estaduais de todo o País, além de representantes da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam), para discutirem sobre a formação de conciliadores e mediadores no âmbito da Justiça estadual.

Para Marcelo Piragibe, “a reunião foi muito produtiva e contou com muitas escolas de magistrados e judiciais. Um tema importante tratado foi a questão do intercâmbio dos cursos entre as escolas estaduais, o que minimiza custos e aproveita a todos os juízes. Também abordamos os cursos a distância”.

Antônio Rulli Júnior destacou a relevância do encontro e da participação da ENM: “O Copedem é um momento ímpar para discussão de todos esses problemas da formação permanente de juízes. Embora interdisciplinar, é uma formação que se concentra em temas de Direito. Com isso, temos conseguido motivar os juízes a uma atuação melhor na carreira, e nesse sentido ressalto a importância da ENM participar e divulgar essas atuações do Colégio Permanente”.

Solenidade de abertura Ao abrir a 46ª edição do Encontro, no salão nobre do Palácio dos Leões, sede do Governo do Maranhão, Antônio Rulli falou sobre o papel das escolas judiciais e da magistratura na formação permanente dos conciliadores e mediadores que atuam no âmbito da Justiça estadual, destacando o novo cenário das composições autônomas de resolução de conflitos. “Esse evento é um espaço para propormos o desenvolvimento de projetos de mediação e conciliação que possibilitem o bom funcionamento do sistema de aproximação dos litigantes, por meio da capacitação constante dos agentes da conciliação e mediação”, frisou.

Obra histórica Na ocasião, Antônio Rulli apresentou o “Memorial de Ministros – Catálogo Alfabético dos Ministros de Letras”, lançado recentemente pelo Copedem em coedição com a Biblioteca Nacional de Portugal (BNP). A obra histórica dos monges Luís de São Bento e António Soares, com breves biografias de magistrados que atuaram no Brasil no período de 1544 a 1822, traz estudo e transcrição do professor Nuno Canarinha e apresentação do presidente do Copedem e diretor da AMB. Leia mais.

Homenagens Durante as atividades do XLVI Encontro, Antonio Rulli Júnior entregou a medalha Ministro Domingo Franciulli Netto aos desembargadores Cleones Carvalho Cunha, presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), e Paulo Sérgio Velten Pereira, diretor da Escola Superior da Magistratura do Maranhão (Esmam), pelos relevantes serviços prestados à formação de magistrados brasileiros.

*Com informações e fotos Ascom/TJMA

ENM abre inscrições para o curso Ativismo Judicial

Saiba Mais

Inscrições para curso de Direitos Humanos podem ser feitas até 20 de julho

Saiba Mais

ENM sob nova gestão

Saiba Mais

ENM disponibiliza link para cadastro de docentes

Saiba Mais
Escola Nacional da Magistratura © 2018 | Todos Direitos Reservados
MENU